sábado, 2 de fevereiro de 2013


Quando eu me vi perdido
Você manteve acesa a minha esperança
Nada fazia sentido
E você me deu colo como quem protege uma criança
Quando se apagaram as luzes
Você me deu a mão e me guiou no escuro
Como o sol cortando as nuvens
Você me iluminou e foi o meu porto seguro...
(Belo.)
Postar um comentário